«aquela magia da música que vem do éter, é um hábito que se está extinguir (…) a rádio enquanto escuta caseira é um hábito que faliu e que nos fugiu, e não há maneira de voltar». António Sérgio in "Suplemento DN" de 08 de Julho de 2005

segunda-feira, 23 de julho de 2007

ERC vai fiscalizar as quotas de música na rádio

A partir de Novembro, a Lei da Rádio tem de estar totalmente aplicada, pelo que as emissoras radiofónicas terão de ter uma percentagem mínima de 25% a 40% de música portuguesa.
A Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) vai fiscalizar o cumprimento da Lei, com recurso a um software próprio, que contabilizará as músicas transmitidas com base em relatórios diários disponibilizados pelos operadores de radiodifusão sonora.
A Lei prevê que as emissoras de informação tenham uma quota de música portuguesa menor e as estações de serviço público tenham sejam obrigadas a passar 60% de música portuguesa.

2 comentários:

Daniel disse...

Qual é a percentagem aplicada às emissoras de informação?

Na minha opinião não faz sentido nenhum que sejam menores. Tanto o RCP como a TSF (a RR não é uma estação de informação) a partir das 2h de segunda a sexta-feira e durante algum tempo no fim-de-semana só passam música...

Menina da Rádio disse...

60% de musica portuguesa?? 60% da Musica Portuguesa que têm inserida nos programas de cada rádio? Ou 60% da Musica Portuguesa que está editada e registada na Sociedade Portuguesa de Autores????

Alguns programas(softwares) repetem, repetem e repetem de 3 em 3 ou de 4 em 4 horas que até aborrecem!!!!

Voçês percebem - me. Não vai ajudar em nada. Vai favorecer uns e prejudicar outros. Mas ainda bem que assim irá ser, porque vão ter que fazer outro "Venham mais cinco" para apresentarem cadastros de canções e livros de estilo musicais. Fazem falta. Façam também inspecção à cultura Musical dos Produtores de algumas rádios em Portugal pois bem que precisam.