«aquela magia da música que vem do éter, é um hábito que se está extinguir (…) a rádio enquanto escuta caseira é um hábito que faliu e que nos fugiu, e não há maneira de voltar». António Sérgio in "Suplemento DN" de 08 de Julho de 2005

quarta-feira, 16 de abril de 2008

100 Anos do Nascimento de António Lopes Ribeiro

Passa hoje um século que nasceu em Lisboa o realizador e produtor cinematográfico António Lopes Ribeiro. Considerado um dos mais completos homens da sétima arte em Portugal, começou, ainda muito jovem, por se dedicar à crítica cinematográfica, sendo, depois, argumentista, realizador e produtor. Mas também fez rádio e televisão.

Tendo sido director da Emissora Nacional, António Lopes Ribeiro produziu um programa de jazz. A Telefonia Sem Fios também tinha presença nos filmes que realizou ou produziu. Quem não se lembra da frase “Alô Dona Rosa, chegou a sua filha do Brasil”, de “O Pátio das Cantigas”?

António Lopes Ribeiro faleceu em Lisboa a 14 de Abril de 1995.

5 comentários:

vitoscano disse...

A RFM reforçou no primeiro trimestre do ano a liderança da tabela das rádios mais ouvidas, ao registar 14,2% de audiência acumulada de véspera (AAV), ou seja, mais 3,7% do que na vaga anterior e mais 12,7% do que na vaga homóloga. Espero que esta subida que se vai notar mais neste actual trimeste esteja relacionado com Rock In Rio e depois comece a descer, pois esta rádio não têm nada de inovador é sempre o mesmo todos os dias á anos, praticamente nem mudam os apresentadores de horário quanto mais a música. O Oceano Pacífico se o escutarem durante 15 dias vão ouvir as mesmas músicas 2 ou 3 vezes se não for mais. Se em algum dia a RFM não passar Shakira então é caso para festejar pois é muito raro. Eu que a oiço muito pouco, vou ouvindo por agora mas pouqissimo junto com a RR por causa do Rock In Rio se não nem ouvia, para mim só Antena 1, Antena3 e Comercial as vezes Cidade e M80 pela Net e ainda escuto mais raramente mas já ouvi antena 2 e o RCP embora aqui em Castelo Branco se oiça mal.

Kyriu disse...

E que diabo tem isso a haver com o António Lopes Ribeiro?! Haja paciência...

vitoscano disse...

Eu sei que não têm, mas tinha que o dizer. Em relação ao post eu não sou do tempo em que se escutava o irmão do Lopes Ribeiro na RTP dizer Boa noite e mais nada durante todo o programa, mas sei que foi um dos nossos maiores realizadores e dos primeiros a conseguir a levar pessoas ao cinema para ver cinema português.E que passava o bom cinema mudo entre outras pequenas reliquias o que já acontece hoje.

vitoscano disse...

...o que já não acontece hoje, era isso que eu quria dizer

Kyriu disse...

o que me parece cada vez mais óbvio é a vontade de haver um fórum onde se discuta a rádio que "nos vendem" neste país...